On

O comício realizado em Senador Sá no bairro do Matadouro foi marcante pelas palavras ditas de Serginho Aguiar, prof. Wagner Macelino, Diretor Uchoa dentre outros que "usaram o verbo" para declarar e revelar algumas coisas segundo os mesmos.
    
         O comício inicíou com o discurso do dep. Serginho Aguiar afirmando que o governador Cid Gomes que é lider do PSB está apoiando o candidato a prefeito Paulo Vitor e em suas palavras marcantes afirmou que o prefeito trocou uma noite de festa por seis meses de barrifa vazia do agricultor senadorsaense que não recebeu a bolsa estiagem, posteriomente o prof Wagner M. leu a polêmica e misteriosa carta do "Sombra" o qual conhecemos no início do mandato do atual prefeito e nas palavras do prof  "o colega meu que estava lá, ligado a área da educação. Eu acreditava nele, mas hoje ele é um sem vergonha e esta lá e desafio eles a desmentir todo que será dito aqui!" e declarou que o prefeito embargou a obra de reforma da escola anexo do coronel apoliano no distrito de Serrota e aida disse "a única pessoa que pode ser pior que o prefeito é ele mesmo..." e reafirmou "...ele não presta!" e falou todo isso com uma panela para ilustrar seu discurso.
       O caro diretor da escola Coronel Apoliano, Uchoa, iniciou sua fala com a panela na cabeça pedindo que o primeiro passo do candidato Paulo Vitor fosse limpar a cidade disse "...pois nós vivemos num lixo..." e "não temos prefeito, a cidade precisa de um prefeito". 
       Após as palavras dos citados acima a organização do evento passou um video denominado "fotos e fatos" que continha inúmeras fotos de lugares completamente cheios de lixo com uma música de fundo que afirmava várias coisas sobre o prefeito como "quando ver dinheiro o olho dele cresce, quem mandou você votar neste cara incompetente, o apelido dele você conhece é aquele boneco que o nariz cresce, ele só sabe pintar o meio fio, cara incompetente, a prefeitura mudou-se para a acapital, na cultura não investe, dentre outras" e depois outro video com fotos das casas (mansões) do atual prefeito e fotos de casa de barro existentes em Senador Sá, posteriomente a dita senhora que fez as imegens disse quem quiser conhecer ela levaria lã e afirmou "esse vagabundo que vem de Fortaleza ganhar dinheiro aqui...", segundo ela suas amigas disseram "naquela cidade só tem cachorro e porcos na rua e começa com o prefeito" e "só foi eleito por um financiamento que sua irma fez e hoje sua casa custa um milão e meio".Após essas palavras polêmicas e de baixo calão dita pelas pessoas que discursaram falou o irmão do prefeito Alex.
       O irmão do atual prefeito estava no palanque do 40 para declarar apoio a candidato Paulo Vitor e disse "esta decepcionado por acreditar em uma Senador Sá melhor e escolhido uma pessoa errada que não dar valor nem ao pai nem a mãe e muito menos a vocês de Senador Sá" e ainda chamou o irmão de pessoa "mostruosa", "o Alex vai enterrar o nome dele e de seu pai" e chamou de "judas", "traira" dizendo que está fazendo de sua família uns fantoches. O mesmo afirmou que o atual prefeito lhe ofereceu 100 mil reais e um carro zero para apoia sua campanha...
      Após foi a vez dos candidatos a vereadores que dentre todos destaquemos o Raul Neto que comentou sobre a educação de nossa cidade que segundo o mesmo é uma "fachada" e uma "vergonha", onde são negados os direitos básicos aos alunos como uma merenda de qualidade, professores qualificados, banheiros limpos e água. Depois para encerrar falou o candidato a prefeito Paulo Vitor que não acrescentou muito as palavras já ditas por todos os seus antercesores e posteriormente desceu do palanque e foi cumprimentar seus simpatizantes...

Comentário:
        Espero que tenha citado todos os detalhes importantes deste evento e caso não em breve postarei o video para que vos visitantes assistam e vejam com seus próprios olhos tudo que acima falei. Creio que este evento em geral foi ruim, pois feriu meus ouvidos tantas palavras de baixo calão ditas pelos que falaram e que esses poderiam falar isso e muito mais apenas com um pouco de respeito, não com seus adversários e sim com nós que vos ouvia, faltou um pouco de ética, não precisamos descer até nosso inimigo para deixar-lo mais baixo que o chão ou simplesmente falarmos a verdade. Entretanto se retirarmos todos os palavrões e mais algumas coisas o comício do PSB-Senador Sá teria ficado "lindo" de assistir,  mas como disse um amigo "só atacamos e falamos com e como sabemos...", todos os políticos aparentemente se classificam na mesma categoria..
      Não irei fazer comparações ao evento que acontecia no mesmo horário no Salão, pois não o assisti.

Fotos:
Carta do "sombra" lida no evento do 40 em Senador Sá. Click para ampliar.