Foto: Reprodução

Esse percentual equivale a 132,5 milhões de pessoas no país. Os que rejeitam a imunização para esse público são, portanto, minoria no Brasil (17%). Os que não sabem opinar sobre a questão somam 4%.

No Sudeste do país, 83% acham que as crianças deveriam ser vacinadas, contra 14%. No Sul, os índices são de 72% e 21%, respectivamente. No Nordeste, 78% são a favor e 18% contra, e na região Centro-Oeste/Norte (o levantamento agrupou essas duas partes do Brasil) tem 77% favoráveis e 20%contrários.

A pesquisa foi feita por telefone nos dias 12 e 13 de janeiro, com 2.023 pessoas de 16 anos ou mais em todos os estados do Brasil. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

CN