O Banco Central comunicou, nesta quinta-feira (03/02), o vazamento de 2.112 chaves Pix de clientes da instituição de pagamento Logbank, ocorrido entre os dias 24 e 25 de janeiro. É o segundo caso de vazamento de chaves Pix em menos de dois meses e o terceiro incidente desde o lançamento do sistema de transferência de recursos da autarquia em tempo real, em novembro de 2020.

Entre 3 e 5 de dezembro de 2021, cerca de 160,1 mil clientes da Acesso Soluções de Pagamento tiveram dados das chaves Pix vazados. O caso foi informado pelo BC em janeiro deste ano. Já o primeiro vazamento ocorreu em 24 de agosto de 2021, atingindo 414.526 chaves Pix ligadas ao Banese (Banco do Estado do Sergipe).

Segundo o BC, não foram expostos dados sensíveis neste último vazamento e as informações correspondem a nome do usuário, CPF, instituição de relacionamento e número da conta. A autarquia também informa que a ANPD (Agência Nacional de Proteção de Dados) foi avisada e as pessoas afetadas serão notificadas.

Folha SP